Quarta-feira, 27 de Setembro de 2006

Auto-estima a 100 à hora

O Meu Herói é o Calimero

 

“Gostar de nós próprios é talvez o mais importante dos factores, aquele que garante a nossa sobrevivência num mundo cada vez mais difícil de enfrentar. As recentes descobertas realizadas no campo da psicologia mostram claramente que o facto de nos sentirmos bem na nossa pele, de acreditarmos que temos valor e que somos competentes, em vez de nos criticarmos constantemente, é fundamental para a nossa saúde mental, e inclusive física. No entanto, a nossa cultura e a nossa educação estão orientadas para penalizar o gostar demasiado de nós próprios”. A citação não é propriamente minha, foi emanada do pensamento filosófico de Walter Riso, um dos mais conceituados autores latino-americanos de temas de crescimento pessoal, tendo já ultrapassado a barreira do milhão de livros vendidos em Espanha e na América Latina. O vulto, que me faz pensar e calcular também como ele, conta já com uma longa carreira académica na área da psicologia clínica. Vale a pena lê-lo!

A entrada de hoje no meu blog, prende-se também como o facto de há dias uma amiga me sacudir ao debilitado ouvido que eu era “exageradamente vaidoso”. Sem qualquer perplexidade, concordei de imediato com ela, só retiraria o “exageradamente”. Disse-lhe que estava a tentar mudar essa face menos polida da minha personalidade perdida. Mas, não hesitei em acrescentar-lhe que há pessoas na vida que nem vaidosas conseguiriam ser, mesmo que essa fosse a sua vontade, tal é a lentidão de pensamento, o vazio de projectos e a obscuridade de ideias que exibem. Aqui e acolá, ali e além, há demasiados políticos de café, treinadores de bancada e pregadores de uma pseudo moral completamente desmoralizadora. Gente que na sombra do espelho só consegue copiar a cópia do copiador. São bandos de amuleto na mão à espera que os espíritos do aquém e do além lhes tragam o equinócio de uma caminhada perdida, quiçá benzida.

Quem ao logo da vida nunca foi reconhecido pelos seus progenitores e aplaudido pelo seu pseudo travesseiro, só pode ser o que é, e não o que realmente gostaria alguma vez ter sido. Qual super zorro, morcego voador ou homem das aranhas, o meu herói é mesmo o Calimero. Casca de ovo, para os amigos!

Mário Gonçalves

Sinto-me: Fantasma...só às vezes!
Pensamento: Uma conduta desregrada aguça o engenho e falseia o juízo
Autor mariogoncalves às 14:55

Link do post | comentar | favorito
|

.Quem sou eu...

.pesquisar

 

.Outubro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Artigos

. Auto-estima a 100 à hora

.Arquivos

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

.Tags

. todas as tags

.Favoritos

. História da Caça em Samor...

.Links

.Visitas

PisosBuscadorBajar ManualesAnunciosLibros Ciencia